Como agregar valor à sua instituição através da gestão do conhecimento

 

“Gestão do Conhecimento” é um conceito que está bem arraigado ao dia a dia de quem trabalha em uma instituição de ensino. No entanto, há mais para se aprender sobre isso – como, por exemplo, como agregar valor à instituição através da gestão do conhecimento feita em consonância com as possibilidades tecnológicas à disposição.

Aqui estamos falando de uma gestão feita por inteligências artificiais que podem dar muito mais poder de gerenciamento para quem lida com essa questão no dia a dia. É possível, por meio de uma única plataforma, trazer o conceito para realidades que envolvam a identificação do gap de aprendizado (tecnologicamente personalizado para cada aluno ou turma), gerar relatórios personalizados e mostrar os melhores caminhos a gerir o conhecimento dentro de novidades como o ensino adaptativo.

Os benefícios da gestão do conhecimento aplicada

Mais do que em qualquer outro lugar, nas instituições de ensino o capital intelectual deve ser ainda mais bem aproveitado do que de costume. Por isso, um dos principais benefícios da aplicação da gestão do conhecimento é, justamente, dar mais tempo e tranquilidade aos docentes para que eles possam implementar novos meios de disseminar a educação dentro – e fora – das salas de aula.

Esse é o melhor custo benefício que uma escola pode ter: dar à sua equipe uma diminuição significativa de trabalho que pode ser, facilmente, gerido por uma plataforma, deixando-a pronta para aproveitar melhor o contato com os alunos. Além disso, quando o capital intelectual é valorizado por quem dirige uma instituição, os resultados costumam se tornar ainda melhores, já que a equipe tende a fazer seu trabalho com mais autoestima e, portanto, também mais empenho.

Do ponto de vista técnico, o principal benefício da gestão do conhecimento dentro da instituição é organizar, controlar e, assim, facilitar o acesso de toda a equipe a informações que sejam de relevância para diversos públicos, em diversos meios. Portanto, o conhecimento (ou informação interpretada) pode ser manuseado por todos que assim queiram fazer, sem colocar barreiras ou qualquer outro limite de uso, facilitando o acesso de quem precisa dessas informações no dia a dia.

guia-da-gestao-do-conhecimento-no-EAD