As 5 principais características da Aprendizagem Adaptativa

12 de março de 2015
características da aprendizagem adaptativa

A aprendizagem adaptativa é uma ferramenta usada para trazer bons índices de resultados à turma e ao corpo docente em um curto espaço de tempo – o que otimiza os períodos letivos, que já são bem curtos, indo de seis meses a um ano. Mais do que isso, a aprendizagem adaptativa também é uma técnica, já que vai muito além do uso frio de uma ferramenta. Ela permite que professores e alunos estejam sempre em consonância em seus objetivos, sem contar com os benefícios que traz para a escola, como um todo.

Com esse tipo de base, qualquer instituição pode se sentir tranquila ao avaliar e aprovar alunos realmente aptos, que aprenderam, cada um a seu tempo, tudo o que a matéria e o professor poderiam oferecer.

Ainda em dúvida sobre se ela é uma boa ferramenta para sua instituição? Veja suas cinco principais características da aprendizagem adaptativa e tire suas conclusões.

1 – É personalizado

A aprendizagem adaptativa tem esse nome por, justamente, ser extremamente personalizado. Com exercícios propostos a cada perfil de aluno, levando em consideração suas dificuldades e habilidades, o ensino fica “modelado” a cada um dos estudantes, fazendo com que eles aprendam mais do que aprenderiam usando somente as informações repassadas em sala de aula.

características da aprendizagem adaptativa

2 – É preciso

Como a ferramenta tem base 100% tecnológica, as margens de erro são muito baixas. Ou seja: a precisão do ensino adaptativo em ir ao cerne dos problemas e dificuldades de cada aluno é altíssima, rendendo bons resultados ao fim de sua utilização.

3 – É fácil de ser utilizado

Não precisa ser nenhum expert em tecnologia ou programação para utilizar as plataformas da aprendizagem adaptativa: quando instaladas no sistema, elas são bem intuitivas, e não demandam habilidades específicas para serem utilizadas. Qualquer pessoa que tem pouco contato com o mundo da computação pode operar uma plataforma de aprendizagem adaptativa sem dificuldades.

4 – Traz resultados com rapidez

A aprendizagem adaptativa tem que ser tão veloz quanto o período letivo – que, como já dissemos, é relativamente curto, indo de seis meses (ensino superior) a um ano. Por isso, os resultados da utilização da ferramenta são mais rápidos do que a utilização de outras técnicas. E o professor vai sentir isso no dia-a-dia, durante as aulas.

5 – É um ativo barato

Considerando todos os benefícios da aprendizagem adaptativa, a plataforma que dá vazão a todo esse potencial não é cara. As instituições fazem um investimento por vezes irrisório, frente ao que vão ter de resultado pela frente. Por isso vale a pena pesquisar, entender e conhecer melhor o uso das tecnologias dentro do ambiente acadêmico. Acredite: experiências como o uso da aprendizagem adaptativa valem muito mais do que custam.