COMO PREPARAR SEUS ALUNOS PARA O VESTIBULAR DE ESCOLAS PARTICULARES

11 de dezembro de 2014

O processo seletivo para ingressar em instituições particulares nem sempre é tão rigoroso quanto ao das instituições públicas. Isso geralmente acontece pelo fato de que o valor a se pagar mensalmente já elimina um pouco (e naturalmente) a concorrência pela vaga. Contudo, ainda assim é necessário que o aluno esteja preparado para o processo de seleção; afinal, escolas sérias e reconhecidas pelo MEC fazem uma pré-seleção criteriosa de seus candidatos para checar aqueles que estão aptos a enfrentar os anos de estudo.

 

Antes mesmo de aprofundar sobre esta preparação para o vestibular das escolas particulares é válido lembrar que estas instituições já estão utilizando a nota do ENEM como forma de avaliar os candidatos, ou seja, através do exame nacional já é possível concorrer às vagas em faculdades particulares. Logo, se os alunos foram bem preparados para as provas do ENEM, provavelmente já estarão muito bem encaminhados.

 

Os pesos e as medidas do vestibular

Se analisarmos o sistema de provas, o que faz aumentar o grau de dificuldade delas é a concorrência. Ou seja, uma instituição reconhecida no mercado, muito procurada, certamente precisará aumentar o grau de dificuldade de sua prova, pois a procura será maior que a oferta de vagas. E é pensando nesta lógica que começa a fazer sentido o pensamento que diz que ingressar numa faculdade particular, hoje, é fácil. Como existem muitas opções, a procura é menor, sendo assim não há necessidade de um processo tão elaborado, pois em alguns casos a oferta é maior que a demanda.

 

Diante desta realidade, se seu aluno está decidido a prestar o vestibular de uma instituição privada, antes de tudo ele precisa pesquisar qual o método de avaliação adotado por ela, se é uma prova ou apenas redação, e aí sim começar a se preparar. Se utilizarem o sistema padrão, ou seja, por prova de múltipla escolha, você pode ajudá-lo levantando provas de anos anteriores e explorando o estudo de matérias com as quais o candidato tem pouca afinidade. Contudo, se a redação for a opção adotada pela instituição, cabe ao aluno ficar por dentro de temas atuais para não correr o risco de ser pego de surpresa na hora da prova.

 

É válido lembrar que os estudantes precisam ficar atentos às datas das provas, pois além dos períodos do vestibular, as faculdades costumam realizar provas através do vestibular agendado; ou seja: o aluno procura pela instituição, seja através de canais online ou mesmo pessoalmente, e agenda o dia e horário que quer fazer a prova. Este método é bem comum entre as instituições de ensino privado.

 

Se você quer ajudar seu aluno a ter um bom desempenho nas provas de vestibular, você também precisa ter seu momento de estudo, já que precisará pesquisar um pouco mais sobre os conteúdos cobrados pelas IES em suas respectivas provas. No mais, é só tranquiliza-los, pois quem se prepara já tem o futuro encaminhado para o sucesso.

 

Confirma nosso ebook “Novo Ensino Médio: O que devo saber sobre ele?”