Conheça ferramentas para implementar os cursos de EAD na sua Instituição

22 de janeiro de 2018
cursos-EAD

Como criar cursos EAD: Ferramentas para implementar o sistema na sua instituição

Em um cenário onde a internet se torna gradativamente a principal mediadora de nossas ações, pessoais e profissionais, a interface entre Educação e Tecnologia também se fortalece na mesma proporção. Assim sendo, faz cada vez mais sentido as instituições passarem a investir em um sistema de ensino a distância, onde as definições de espaço e tempo são mais flexíveis.

Por que investir na EAD?

De acordo com a ABED (Associação Brasileira de Ensino a Distância), no Brasil já existem mais de 1000 cursos regulamentados — um número alto, considerando que a história da EAD teve início há pouco mais de 10 anos no país.

Isso significa que o ensino a distância tem uma função inclusiva, muitas pessoas encontraram um caminho para cursar uma especialização e entrar no mercado de trabalho por meio desse sistema. Segundo o Inep (Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais), a educação a distância configura-se como modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica se dá por meio de tecnologias de informação e comunicação, com pessoal qualificado, políticas de acesso, acompanhamento e avaliação compatíveis.

Mais recentemente, com o agravamento da crise econômica, uma maior parcela de alunos que acabaram de concluir o ensino médio optou por ingressar também em cursos a distância. Esse fato está dando uma nova roupagem ao perfil de público da EAD, visto que rompe com a ideia de que ela atende apenas pessoas que não tiveram a oportunidade de cursar uma faculdade.

Outra grande vantagem da EAD é o acesso que ela possibilita, levando conhecimento e oportunidade de formação para regiões pouco atendidas. Inclusive, a educação a distância tem contribuído bastante para a formação de professores: os cursos de licenciatura à distância cresceu cerca de 6% nos últimos anos.

A questão do dinheiro

Sabemos que muitas vezes a situação financeira é o grande obstáculo para a conclusão de um curso ou faculdade. No caso dos cursos à distância, a instituição tem seus gastos bastante reduzidos, visto que não é preciso investir em um espaço físico, reduz-se o uso de materiais e o tempo dos professores é otimizado.

Esse modelo educacional é, segundo o Inep, até 40% mais barato que os presenciais. Grande vantagem também para os alunos, que não têm gastos com deslocamento e pagam mensalidades mais acessíveis.

Como proceder?

O modo como a instituição cria, divulga e gere seu material será determinante para o sucesso ou o fracasso da iniciativa.

Para implementar o sistema de educação a distância, antes de tudo, avalie a demanda pelo seu projeto e a viabilidade — técnica e financeira — para realizá-lo. Planeje cada etapa do processo: as pesquisas de mercado, a produção dos conteúdos, a distribuição das aulas e uma boa campanha de vendas e divulgação.

É indispensável que os vídeos sejam bem produzidos e o conteúdo bem ensinado, mas de nada adianta um ótimo material se o público-alvo não for atingido.

Decreto 9057 do MEC

 O MEC (Ministério da Educação) aprovou, em 2017, uma portaria que tem como objetivo ampliar a oferta de cursos superiores a distância, na graduação ou na pós. Desde então, as instituições de ensino superior podem ofertar cursos EAD mesmo sem o credenciamento para cursos presenciais.

Com isso, busca-se aumentar o acesso ao ensino superior, conforme estabeleceu o Plano Nacional de Educação (PNE): a taxa bruta de matrícula deve ser 50% e a taxa líquida 33% da população de 18 a 24 anos.

O Sistema de Gestão de Provas

Sabemos que criar cursos EAD é uma tarefa que exige muito planejamento e um trabalho de qualidade. Fazer a gestão de todo esse material, bem como estabelecer canais de comunicação com os alunos e metodologias eficientes de distribuição e aplicação de provas também é essencial.

O sistema de gestão de provas da Prova Fácil , desenvolvido pela Starline Tecnologia, é um ótimo aliado para as instituições de ensino. De maneira simples, automatizada e segura, é possível criar, aplicar e corrigir provas realizadas a distância ou semipresenciais, bem como a diagramação, a análise de desempenho e até mesmo a logística de ensalamento e organização das provas em larga escala.

Continue acompanhando nosso blog para conferir conteúdos tão relevantes a sua instituição quanto este!