Como diminuir o índice de erros na correção de provas?

25 de maio de 2022
erroa na correção de provas

A correção de avaliações é uma atividade repetitiva e exaustiva. Essas duas características tendem a aumentar a incidência de erros na correção de provas, o que pode gerar sérios problemas para a instituição. Desde a sobrecarga dos profissionais de ensino até a perda da confiança dos alunos e responsáveis.

Primeiramente, precisamos lembrar que o professor é um ser humano e que, na maioria das vezes, o erro não é culpa dele.

Segundo a pesquisa Realidade Docente 2021, 64% dos professores afirmaram que tiveram um aumento de tarefas de até 50% durante a pandemia. Enquanto 27% disseram que suas responsabilidades dobraram desde o início do período.

Levando em conta que a carga horária de aulas média de um professor brasileiro é de 25 horas semanais, segundo levantamento da Talis, não é se admirar que essa quantidade de trabalho acabe ocasionando cansaço e, consequentemente, erros em atividades secundárias.

Sendo assim, é obrigação da instituição pensar em soluções para aliviar a rotina do professor. Dentre elas, estão iniciativas para facilitar o trabalho de correção de provas, seja através de orientações ou de investimento em tecnologia.

Veja algumas dessas soluções abaixo para evitar erros na correção de provas!

Siga uma metodologia para correção das avaliações

Estabelecer uma metodologia fixa e segui-la para a correção de todas as avaliações ajuda a agilizar e otimizar o processo, já que o torna automático e mais organizado.

Algumas dicas de métodos para otimizar a correção de provas:

  • Colocar as provas em ordem de chamada irá ajudar na hora de lançar as notas no sistema.
  • Caso haja questões dissertativas, corrigi-las primeiro em todas as provas para manter a linha de raciocínio e terminar o trabalho mais rápido.
  • Evitar explicar o erro do aluno na própria prova ajuda a otimizar o processo, porém é importante separar um tempo na hora da entrega das avaliações corrigidas para explicar pessoalmente aos alunos onde eles erraram e qual era a resposta correta.

Estabeleça critérios para a correção

O estabelecimento de critérios claros e objetivos antes da correção de uma prova também ajuda a tornar o processo mais ágil e evitar possíveis dúvidas.

Alguns pontos que podem ser definidos e padronizados:

  • Erros ortográficos em avaliações que não sejam de língua portuguesa: é interessante não tirar ponto da questão ou até considerá-la como errada, apenas informar ao aluno sobre a escrita correta.
  • O famoso “meio certo”: fica a critério do professor decidir se ele considerará questões “meio certas” (desenvolvimento errado, mas resposta certa) ou não, mas é importante que ele tenha isso definido antes de iniciar a correção.
  • Manter os alunos informados sobre os critérios: para evitar problemas após a entrega das avaliações corrigidas, é interessante informar previamente aos alunos sobre todos os critérios de avaliação.

Automatize o processo de correção de provas 

Outra dica que pode melhorar a qualidade das correções de provas na sua instituição é apostar na automatização desse processo.

Isso pode ser feito através de um software que realize a correção de gabaritos de forma completamente digital.

A Prova Fácil oferece a mais moderna ferramenta de correção de provas do mercado. Com o auxílio de celular, tablet ou scanner, a correção das questões objetivas é feita automaticamente!

Confira aqui algumas das vantagens de se apostar na tecnologia para a correção de provas!

Ganhe agilidade e economize tempo 

Segundo pesquisa feita pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), a correção de provas pode tomar até 22% do tempo de trabalho dos professores brasileiros. 

Substituindo esse processo por uma ferramenta digital, o resultado é uma correção mais rápida e ágil.

Em apenas alguns instantes, todas as questões da prova estarão corrigidas. E em minutos, aquela montanha de provas, que provavelmente tomaria uma tarde inteira do professor, desaparecerá.

Este processo, além de benéfico para a saúde mental do professor, ainda faz com que ele tenha mais tempo para se dedicar à elaboração das aulas e aperfeiçoamento de seus métodos de ensino.

Consequentemente, os alunos encontrarão um docente mais motivado e um conteúdo de maior qualidade. 

Diminua erros na correção de provas e garanta a confiabilidade dos dados recebidos 

Outro grande dilema dos professores é a confiança de que os resultados obtidos através das correções representam o real aprendizado do aluno e não foram manipulados através de métodos irregulares, como a popular “cola”.

A ferramenta de gestão e correção de provas Prova Fácil oferece recursos “anti-cola” que ajudam a resolver esse problema. Entre eles estão:

  • Sistema de reconhecimento facial: no caso de provas realizadas em computador, a câmera é capaz de reconhecer o rosto do aluno para ter certeza de que é ele mesmo quem está fazendo a avaliação. Leia mais sobre esta tecnologia aqui!

  • Browser travado: também para provas realizadas em ambiente virtual, este sistema impede que os alunos acessem qualquer recurso do computador durante a realização do exame. Leia mais sobre essa tecnologia aqui!

  • Proctoring: funciona como uma “sala de monitoramento virtual”, onde através de uma Inteligência Artificial, a webcam é capaz de identificar os movimentos do aluno a fim de detectar atividades suspeitas. Leia mais sobre essa tecnologia aqui!

Além disso, para as provas presenciais a randomização de questões e alternativas pode ser uma boa solução. 

Com esse recurso, o professor consegue obter diferentes modelos de prova utilizando as mesmas questões e alternativas, mas em ordem diferente.

Isso diminui bastante a chance de cola.

Acompanhe os dados em tempo real 

Por fim, a ferramenta de correção de provas Prova Fácil ainda disponibiliza uma série de relatórios ao fim da correção.

Com eles é possível analisar fatores como:

  • O desempenho individual de cada estudante, permitindo o desenvolvimento de um processo educacional individualizado e centrado no aluno.
  • O desempenho por turma, possibilitando a adoção de métodos diferentes de acordo com a necessidade de cada classe. 
  • O desempenho geral da instituição, abrindo espaço para discussões sobre mudanças pedagógicas estruturais.

Revolucione suas avaliações com a Prova Fácil!

Uma coisa é certa: quanto mais usamos a tecnologia a nosso favor, melhores serão as condições de trabalho dos docentes, menores as probabilidades de erros na correção de provas e infinitas as possibilidades para aprimorar a experiência do aluno.

Portanto, venha conhecer as mais variadas alternativas que a Prova Fácil oferece para modernizar o seu sistema de avaliações: da elaboração à correção, das ferramentas aos relatórios. 

O que acha de conversar com um dos nossos especialistas para saber mais?