Como atrair alunos para uma segunda graduação EAD?

5 de novembro de 2021
segunda graduação

Durante muito tempo, mudar os rumos da vida profissional era algo penoso, e pessoas que saíam de suas áreas de formação inicial e embarcavam em uma segunda graduação não eram vistas como promissoras pelo mercado de trabalho. Pois este tempo acabou!

Atualmente, vivemos a chamada transformação digital, o que significa que muitas profissões que antes dominavam o mercado estão se tornando obsoletas, enquanto outras mais modernas estão surgindo.

Isso faz com que os profissionais estejam cada vez mais abertos a se reinventar, mudar de carreira e enfrentar desafios cada vez mais ousados.

Segundo a pesquisa Re:Trabalho 2020:

  • 63% das pessoas já mudaram de carreira por conta da transformação digital.
  • 48% pretendem mudar para uma profissão que traga mais possibilidades.

O aumento da expectativa de vida que, segundo o IBGE, já atinge 76,3 anos, é outro fator que dá às pessoas mais disposição em mudar os rumos profissionais no segundo terço da vida.

Estima-se, inclusive, que até 2040, 57% da força de trabalho no Brasil será composta por pessoas com mais de 40 anos.

Por que investir em EAD para uma segunda graduação?

Para que as IES estejam preparadas para atender a este público alvo, elas precisam primeiramente entender quem são eles e quais as suas necessidades.

Diferentemente dos jovens que saem do ensino médio direto para o ensino superior, quem busca uma segunda graduação normalmente já passou dos 25 anos. Portanto, possui muito menos tempo disponível e necessita de uma solução que otimize seu tempo e traga praticidade aos estudos.

É aí que entra o EAD (Ensino a Distância), que segundo dados da 11ª Edição do Mapa do Ensino Superior no Brasil, cresceu 19,1% apenas em 2019.

Também em 2019, pela primeira vez na história, o número de alunos que ingressaram em cursos EAD superou os que optaram pelo presencial: 50,7% (1.559.725).

Como o EAD pode ajudar a captar alunos para uma segunda graduação?

segunda graduação

Ofertando flexibilidade

Segundo dados do Censo EAD BR, o maior público dos cursos à distância são mulheres que trabalham fora.

Somando isso ao perfil de quem busca uma segunda graduação, encontramos um público alvo de homens e mulheres que acumulam uma série de responsabilidades e que dificilmente conseguiriam conciliá-las com o método tradicional de ensino presencial.

Portanto, é importante que a instituição enfatize que essa modalidade permite flexibilidade, podendo ser perfeitamente administrada dentro de uma rotina movimentada, sobretudo devido a não necessidade de um deslocamento físico.

Preços mais acessíveis

O investimento em educação a distância também gera economia para as instituições, já que elimina os gastos com infraestrutura e segurança, além de permitir uma quantidade maior de alunos.

É interessante, portanto, que esta economia seja repassada aos estudantes na forma de preços mais acessíveis para este tipo de graduação. 

É essa a atitude que mais ajudará a impulsionar as matrículas: segundo pesquisa realizada pela empresa Educa Insights, 72% dos alunos de cursos EAD escolheram essa modalidade devido aos preços mais em conta.

Possibilidade de montar a própria rotina

Na maioria dos cursos online, as aulas são ministradas ao vivo em horário pré-determinado. Porém, este material fica gravado e disponível para o aluno acessar na hora que ele quiser.

Isso empodera o aluno, permitindo que ele assuma o controle da própria rotina e assista às aulas no momento em que for mais conveniente.

Esse pode ser o fator determinante para captar aquele aluno que precisa conciliar o estudo com outras responsabilidades, como um emprego, por exemplo.

Possibilidade de aproveitamento de disciplinas

Um fator que costuma desmotivar as pessoas a ingressar em uma segunda graduação – seja ela presencial ou não – é o tempo a ser investido.

Sendo assim, é importante ressaltar que a sua instituição levará em conta todo o histórico acadêmico do aluno, que será avaliado pelo coordenador do curso. 

Isso abrirá a oportunidade para o aproveitamento de disciplinas, o que pode encurtar o período do curso e dar mais motivação ao futuro aluno.

Deixar claro que os cursos possuem o mesmo valor

Apesar dessa visão estar mudando, algumas pessoas ainda pensam que cursos a distância têm menos valor ou são vistos como inferiores pelo mercado de trabalho.

É importante quebrar esse mito e deixar claro que não existem diferenças entre o diploma obtido através de um curso presencial e EAD.

O que, claro, deve vir em conjunto com investimentos que coloquem os cursos de educação a distância da sua IES no mesmo nível dos presenciais.

Algumas dicas para garantir a qualidade dos cursos EAD na sua instituição:

  • Contratação de bons professores.
  • Material pedagógico de qualidade, atualizado e revisado por diferentes profissionais.
  • Investimento em tecnologia, garantindo uma plataforma de ensino online moderna, rápida e intuitiva.
  • Preocupação com acessibilidade, tanto da plataforma quanto dos materiais pedagógicos. 

Oferta de condições especiais

Muitas IES também oferecem descontos para motivar pessoas em busca de uma segunda graduação.

Somando isso aos preços tradicionalmente mais baixos da educação a distância, será possível atingir um número muito maior de alunos sem trazer prejuízos financeiros à instituição.

A tecnologia na captação de alunos

Se a captação de alunos já é um desafio, imagine captá-lo, conquistá-lo, mantê-lo e motivá-lo durante todo o período da graduação. Para esta tarefa, a tecnologia precisa ser sua principal aliada.

Através das soluções oferecidas pelo Prova Fácil, você não apenas consegue otimizar o seu processo de captação de alunos, trazendo mais renda para a sua instituição.

Utilizando a Prova Fácil, você terá otimização em todas as etapas da avaliação: da matrícula à formulação de avaliações; da correção até um monitoramento completo do rendimento de cada aluno.

Usando a tecnologia e as possibilidades abertas pela educação a distância, você estará pronto para levar a sua instituição cada vez mais perto dos alunos, estejam eles onde estiverem.

 

Leve a Prova Fácil para a sua Instituição